Calendario IPVA 2024

Senador alerta para divisão da base de Mauro Mendes em discussões para 2024

Por Redação em 15/08/2023 às 11:31:32

Senador em exercício, Mauro Carvalho (União), defendeu que o nome para a disputa à prefeitura de Cuiab√° em 2024 seja debatido com todos os partidos aliados do governador Mauro Mendes (União). Para ele, uma divisão da base aliada poder√° resultar em derrota eleitoral.

Segundo Carvalho, o debate interno do União Brasil, entre os nomes os deputados Eduardo Botelho e F√°bio Garcia, deve ser ampliado com o arco de alianças que elegeu o governador 2022 e que também possuem nomes para disputa eleitoral da capital.

"Eu sou contr√°rio a essa divisão, essa separação. Esse é o caminho da derrota. Se a gente quer ganhar a prefeitura, o caminho é a União e a manutenção do arco de alianças que elegeu o Governador Mauro Mendes 2018 e 2022. É isso que defendo", disse Carvalho na segunda-feira (14) durante entrevista a r√°dio CBN Cuiab√°.

Ele disse ainda que tem tempo para o grupo se reunir e que muitas conversas terão que ocorrer, tanto em Cuiab√°, como nas demais cidades do Estado. "Não só discutir a prefeitura de Cuiab√°, mas as 140 do estado de Mato Grosso. Cuiab√° é a mais importante, é nossa capital, mas temos que focar nos outros municípios também. Se a gente quer um mato grosso melhor, com a qualidade de vida melhor, todas as prefeituras são importantes para o Estado", pontuou.

Mauro Carvalho, que atuou nos últimos 4 anos como chefe da Casa Civil do governo estadual, é o principal articulador na relação do governo e base aliada, seja em conversa com lideranças partid√°rias ou com à Assembleia Legislativa (ALMT).

Sobre a possível saída do deputado Eduardo Botelho da sigla, o senador acredita que é preciso uma nova reunião interna para tratar do assunto. Carvalho lembra que todos os aliados e amigos de Botelho desde seu ingresso estão dentro do União Brasil, e que não faria sentido uma mudança partid√°ria.

"O que defendo é o di√°logo entre Botelho, F√°bio Garcia, o governador, Jayme Campos, Júlio Campos, Dilmar Dal Bosco e todas as lideranças do União Brasil num grande di√°logo", finalizou.

Filiado no União Brasil, Mauro Carvalho atualmente est√° como senador da República, no lugar de Wellington Fagundes (PL), que se licenciou para realizar duas cirurgias nos ombros. A tend√™ncia é que Carvalho fique até outubro no cargo e depois retorne para a Casa Civil do governo do Estado.

Fonte: GD

Comunicar erro
Radio Jornal de Caceres
InfoJud 728x90
Combate a dengue 2023