MT realiza o maior pacote de infraestrutura do Brasil

Inflação desacelera e fica em 0,16% em março, diz IBGE

Por Redação em 10/04/2024 às 10:38:23

Em março, os preços dos alimentos tiveram um aumento, porém em menor proporção do que no mês anterior. De acordo com dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgado nesta quarta-feira (10) pelo IBGE. A inflação no Brasil desacelerou, registrando um aumento de 0,16% em março, o que representa uma queda de 0,67 ponto percentual em relação a fevereiro, quando foi de 0,83%. O índice veio abaixo das expectativas do mercado, que projetava 0,24%. No acumulado do ano, a inflação está em 1,42%, enquanto nos últimos 12 meses os preços subiram 3,93%. Em março de 2023, o índice foi de 0,71%. Dos nove grupos pesquisados, seis apresentaram aumento de preços de fevereiro para março. No entanto, os grupos com maior peso no IPCA tiveram uma desaceleração. O grupo de Alimentação e Bebidas teve o maior impacto, com 0,11 ponto percentual, e a maior variação, de 0,53%. Destaque para os aumentos da cebola (14,34%), tomate (9,85%), ovo de galinha (4,59%), frutas (3,75%) e leite longa vida (2,63%). Já o grupo de Transportes teve uma inversão, passando de alta de 0,72% em fevereiro para queda de 0,33% em março. Em Habitação, a alta de 0,19% foi impulsionada pela energia elétrica, com aumento de 0,12%. O grupo de Despesas Pessoais acelerou de 0,05% para 0,33%, com destaque para o item Cinema, teatro e concertos, que teve alta de 5,14%.

Regionalmente, apenas Porto Alegre teve queda de preços em março, enquanto São Luís registrou a maior alta. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) foi de 0,19% em março, acima do resultado de fevereiro, de 0,81%. O INPC, que abrange famílias com rendimentos de 1 a 5 salários mínimos, teve um aumento de 0,19% em março, marcando 0,62 ponto percentual acima do resultado de fevereiro. No acumulado do ano, o INPC teve alta de 1,58% e nos últimos 12 meses, de 3,40%. Os preços dos produtos alimentícios passaram de 0,95% em fevereiro para 0,50% em março, enquanto os produtos não alimentícios foram de 0,77% para 0,09%. O próximo resultado do IPCA, referente a março, será divulgado em 10 de maio.


Fonte: JP

Tags:   Economia
Comunicar erro
Radio Jornal de Caceres
InfoJud 728x90
Combate a dengue 2023
Garotas de programa Goiania