Eleição na FinlĂąndia terĂĄ segundo turno entre os dois favoritos: Alexander Stubb e Pekka Haavisto

Por Redação em 28/01/2024 às 20:17:28

Alexander Stubb e Pekka Haavisto vão disputar a presidĂȘncia da FinlĂąndia no segundo turno. Cada um obteve, neste domingo, 28, um quarto dos votos, mostram as apurações que estão praticamente concluĂ­das. O ex-primeiro-ministro Stubb obteve 27,1% dos votos, enquanto o ex-ministro das Relações Exteriores Haavisto conseguiu 25,8%, com mais de 99% dos votos apurados, segundo as autoridades eleitorais, o que significa que eles vão se enfrentar em 11 de fevereiro. A importĂąncia do cargo de presidente cresceu no paĂ­s diante das tensões com sua vizinha RĂșssia desde a invasão da UcrĂąnia. Embora os poderes do presidente sejam limitados, o chefe de Estado – que é o comandante supremo das forças armadas – ajuda a dirigir a polĂ­tica externa junto ao governo.

Um segundo turno serĂĄ organizado no domingo, 11 de fevereiro. Após a Guerra Fria, Helsinque manteve boas relações com a RĂșssia, contudo, a situação se reverteu após a invasão russa da UcrĂąnia em 2022. O paĂ­s nórdico, membro da União Europeia e da zona do euro, abandonou seu tradicional não alinhamento militar e aderiu à Otan em abril de 2023. A RĂșssia, que compartilha com a FinlĂąndia uma fronteira de 1.340 km, advertiu para "contramedidas". Em agosto do mesmo ano, a FinlĂąndia registrou um fluxo de migrantes sem visto por sua fronteira oriental, enviados, segundo Helsinque, por Moscou para desestabilizar o paĂ­s. Em novembro, a FinlĂąndia decidiu fechar sua fronteira com a RĂșssia. Todos os candidatos defendem a independĂȘncia da FinlĂąndia e seu novo papel como membro da Otan, destacou Hanna Wass, vice-decana da faculdade de CiĂȘncias Sociais da Universidade de Helsinque.

*Com informações da AFP

Fonte: JP

Comunicar erro
Radio Jornal de Caceres
InfoJud 728x90
Combate a dengue 2023