Agro Noticia 728x90

O Assunto #201: George Floyd, explosão e fúria nos EUA

Por Redação em 02/06/2020 às 03:23:41


A impunidade de crimes raciais e a desigualdade acentuada pela pandemia da Covid-19 se misturaram no caldeirão social norte-americano. O país líder em casos e mortes pelo novo coronavírus agora se vê em meio a manifestações contra o racismo e a desigualdade. Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com Silvio Almeida, professor de Direito da USP, da FGV e do Mackenzie, atualmente professor convidado na Universidade de Duke, na Carolina do Norte. Almeida explica como, na visão dele, a pandemia dará nova forma ao racismo. Fala também qual o nó que ainda não foi desatado no racismo estrutural nos EUA. Participa também o comentarista da Globo em NY Guga Chacra, que traça um raio-x dos protestos e como eles podem ter consequências na campanha presidencial. Você pode ouvir O Assunto no G1, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga O Assunto, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.

O movimento começou em 25 de maio e, agora, os Estados Unidos têm pelo menos 70 grandes cidades tomadas por manifestantes antirracistas. Em plena pandemia do novo coronavírus, o assassinato de George Floyd em Minneapolis foi o estopim da maior onda de protestos contra o preconceito racial no país desde a década de 1960.

Floyd, homem negro e inocente, foi imobilizado por um policial branco de forma violenta e morreu por asfixia. Durante mais de 8 minutos o policial manteve Floyd, de 40 anos, com o pescoço sob seu joelho, com o rosto no asfalto.

Minneapolis foi o epicentro da convulsão social que se espalhou costa à costa dos EUA. A cidade é considerada a quarta pior área metropolitana dos EUA para negros morarem e tem uma das maiores disparidades raciais do país em indicadores como pobreza e desemprego. Alguns grupos de policiais apoiaram os protestos e ajoelharam em solidariedade à causa.

Conforme cresceu, a onda de protestos passou também a apresentar cenas de violência, como saques e incêndios. Mais de 30 cidades, entre elas Nova York, decretaram toque de recolher. E até a Casa Branca foi cercada e teve que reagir para impedir uma invasão.

Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com Silvio Almeida, professor de Direito da USP, da FGV e do Mackenzie, atualmente professor convidado na Universidade de Duke, na Carolina do Norte. Almeida explica como a pandemia dará nova forma ao racismo e qual é o nó que ainda não foi desatado no racismo estrutural nos EUA. Participa também o comentarista da Globo em NY Guga Chacra, que traça um raio-x dos protestos e como eles podem ter consequências na campanha presidencial.

O podcast O Assunto é produzido por: Mônica Mariotti, Isabel Seta, Gessyca Rocha, Luiz Felipe Silva, Thiago Kaczuroski e Giovanni Reginato. Nesta semana: Vivian Souza. Apresentação: Renata Lo Prete.

Comunicação/Globo

O que são podcasts?

Um podcast é como se fosse um programa de rádio, mas não é: em vez de ter uma hora certa para ir ao ar, pode ser ouvido quando e onde a gente quiser. E em vez de sintonizar numa estação de rádio, a gente acha na internet. De graça.

Dá para escutar num site, numa plataforma de música ou num aplicativo só de podcast no celular, para ir ouvindo quando a gente preferir: no trânsito, lavando louça, na praia, na academia...

Os podcasts podem ser temáticos, contar uma história única, trazer debates ou simplesmente conversas sobre os mais diversos assuntos. É possível ouvir episódios avulsos ou assinar um podcast – de graça - e, assim, ser avisado sempre que um novo episódio for publicado.

Fonte: G1

Coronavirus 728x90

Comentários

InfoJud 728x90