AL- SOS Mulher

Aliados de Bolsonaro pedem para ele enquadrar os funcionários do MEC ligados ao Centrão

Por Redação em 12/04/2022 às 09:49:18
Aliados e assessores do presidente Jair Bolsonaro querem que ele enquadre os funcionários ligados ao Centrão dentro do Ministério da Educação, principalmente aqueles que estão no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Segundo esses aliados, apadrinhados do Centrão estão dando munição para a criação da CPI do MEC com o uso político de verbas do FNDE e a suspeita de irregularidades na distribuição desses recursos.

Auxiliares do presidente, ligados à ala ideológica e aos militares, avaliam que o Centrão está indo com "muita sede ao pote" neste ano eleitoral e gerando denúncias de uso irregular das verbas do MEC, com possível favorecimento de empresários ligados a políticos do grupo.

Para eles, isso vai acabar desgastando a imagem do presidente, enquanto os políticos que apoiam Bolsonaro faturam eleitoralmente com a distribuição das verbas do FNDE.

Até aqui, o governo conseguiu evitar a criação da CPI do MEC. Três senadores retiraram suas assinaturas depois de conversas com assessores do Palácio do Planalto, fazendo o número de apoios à instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito cair das 27 necessárias para 24.

Os assessores que defendem o enquadramento do Centrão dizem que, se novas denúncias forem divulgadas, a oposição terá argumentos para buscar novas assinaturas e viabilizar a CPI do MEC.

Os defensores da CPI, por sinal, estão negociando com quatro senadores para que eles assinem o requerimento de criação da comissão.

Se tiverem sucesso, vão conseguir o apoio de 28 senadores, abrindo a possibilidade de apresentação do requerimento à mesa do Senado Federal. Isso deve acontecer, porém, apenas dos feriados previstos para as duas próximas semanas.

Enquanto isso, para gerar um clima favorável à CPI, os senadores da oposição vão marcar o depoimento do ministro interino da Educação, Victor Godoy Veiga, e querem aprovar a convocação do diretor do FNDE, Garigham Amarante, indicado para o posto pelo presidente do PL, Valdemar Costa Neto.

Fonte: G1

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
AL- Fake News - Vacinas
InfoJud 728x90
AL- Vacina que volta