AL- SOS Mulher

Fones bluetooth: g1 testa modelos sem fio

Por Redação em 02/12/2021 às 06:04:58
Apple, Beats, Edifier, Samsung... para ouvir música no smartphone ou podcast na hora do exercício, avaliamos opções que cabem em diversos tamanhos de bolso. Fones de ouvido bluetooth: 8 opções

g1

Fones de ouvido bluetooth unem boa qualidade de som com facilidade de uso: basta conectar ao seu smartphone ou computador e começar a ouvir música sem usar fios.

O g1 testou oito fones dessa categoria de produto, também conhecida como TWS (true wireless) e que funcionam com qualquer dispositivo compatível com o padrão bluetooth.

Outros guias:

CELULAR 5G: qual smartphone intermediário escolher

ASPIRADOR ROBÔ: será que vale a pena? Conheça os tipos

HEADSETS: 9 opções para trabalhar, jogar e estudar

QUAL DELES? dicas para escolher airfryer, TVs, vinhos...

As opções vão de modelos básicos com som potente a fones com cancelamento de ruído superpoderoso e design esportivo, com resistência a água, poeira e quedas.

No final de novembro, os preços dos fones bluetooth avaliados variavam de R$ 250 a R$ 2.400 nas principais lojas on-line.

Foram testados os seguintes fones:

Apple Airpods (3a geração)

Beats Studio Buds

Edifier NeoBuds Pro

Edifier X5

Huawei FreeBuds 4i

Jaybird Vista 2

JBL Wave 100TWS

Samsung Galaxy Buds2

Veja abaixo como cada um deles se saiu. E leia, ao final da reportagem, a conclusão e no que prestar atenção na hora da compra.

Apple AirPods 3a geração

g1

Os AirPods são os únicos da lista específicos para uso com dispositivos da Apple. Essa é recém-lançada terceira geração dos fones, que até funcionam conectados a um smartphone Android, mas com menos recursos.

E são os fones mais caros da avaliação. No final de novembro, os AirPods não estavam disponíveis para compra nas lojas consultadas. A fabricante indica o preço oficial na faixa dos R$ 2.400.

Os fones não têm cancelamento de ruídos nem modo ambiente e podem ser controlados por um botão/sensor na haste do fone (reproduzir, pausar, pular faixas, atender/desligar ligações e ativar a assistente digital Siri).

São confortáveis e se encaixam bem no canal auditivo, apesar de serem os únicos avaliados sem ponteiras de borracha para melhor ajuste – o que pode causar um pouco de incômodo para quem não está acostumado.

Sua qualidade de som é muito boa, dá para sentir os tons graves pulsando nos fones e um som bastante claro, seja ouvindo DJ Alok ou César Menotti e Fabiano. A qualidade do microfone para chamadas é excelente.

Os AirPods contam com recurso de áudio espacial, que permite ouvir músicas (em serviços de streaming como o próprio Apple Music) com efeitos de som ao redor da cabeça.

Os efeitos criados são interessantes, mas nada que vai mudar o jeito de ouvir música.

AirPods: basta aproximar do iPhone 13 e ele já se conecta de forma automática

Celso Tavares/g1

Mas os AirPods não têm app dedicado: o pareamento é simples e feito por aproximação do estojo a um iPhone.

Os ajustes mais específicos, como ativar o áudio espacial, estão escondidos nas configurações do iOS. Os AirPods podem ser conectados também ao Apple Watch e reproduzir músicas direto do relógio.

A bateria segue o prometido pela Apple: até 6h de uso contínuo dos AirPods e entre 5 e 6 recargas completas nos fones antes de ir para a tomada. O estojo tem recurso de carregamento sem fios.

Beats Studio Buds

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site das Americanas

Veja no site das Casas Bahia

Veja no site do Carrefour

Os Beats Studio Buds são uma espécie de AirPods para quem não tem iPhone. São fones pequenos e confortáveis, produzidos pela subsidiária da Apple, e funcionam melhor com Android do que com iOS.

O controle nos fones é feito por botões nas laterais, que comandam reprodução de música e alternam entre os modos de cancelamento de ruído, ambiente e áudio normal, sem efeitos.

Na caixa, a Beats colocou três opções de ponteiras de borracha para melhor encaixe no canal auditivo.

O pareamento com smartphones é simples e rápido, mas no Android a Beats oferece um aplicativo que permite maior controle de recursos, como ativar o cancelamento de ruído, renomear os fones e checar por atualizações.

O app não existe para iOS – onde o fone se comporta de maneira parecida com os Airpods. Os fones também se conectam ao Apple Watch.

Beats Studio Buds: app para Android não existe para iPhone

Celso Tavares/g1

A Beats é famosa por fazer fones com graves bem fortes, e é o caso dos Studio Buds. Os pequenos fones têm uma batida envolvente, boa para ouvir música eletrônica mais recente, como Four Tet, ou antiga, como Kraftwerk.

Os sons do Beats Studio são de ótima qualidade. O cancelamento de ruído ativo é bom.

Com som em volume baixo e cancelamento ligado, não dava para ouvir um pequeno ventilador na mesa. Em um escritório, o ruído geral some, mas vozes ainda se destacam ao fundo.

Dos fones que o g1 testou, tem um dos melhores modos ambiente/transparência, com um ruído leve ao fundo, como uma estática baixa. A qualidade do microfone para ligações é boa e clara.

A bateria dos fones tem duração de 8 horas, com 3 a 4 recargas completas no estojo. No final de novembro, seu preço médio nas lojas on-line estava na faixa de R$ 1.800.

Edifier NeoBuds Pro

g1

Os Edifier NeoBuds Pro podem ser considerados um par de superfones bluetooth, de tanto recurso disponível no dispositivo para qualquer plataforma – Apple ou Android.

Os fones têm um visual gamer, com luzes indicadoras em vermelho e design com detalhes prateados. A caixa traz seis pares de ponteiras de tamanhos distintos com proteção antimicrobiana, mais que todos os outros fones testados.

O cancelamento de ruído tem dois níveis de ajuste, com um modo de alto desempenho que lembra fones mais caros (do tipo concha) que abafam ruídos em aviões. Ao menos com um ventilador forte no ambiente, o ruído constante fica bastante reduzido atrás da música ou podcast.

O segundo modo é similar aos dos demais fones testados, bom para usar no escritório. O modo ambiente, também permite um ajuste fino de quanto quer ouvir do local. Com o modo ambiente configurado no máximo, é possível ouvir conversas a alguns metros de distância se a música estiver desligada.

Vale notar que os fones indicam com uma frase o tipo de som em uso – cancelamento forte, baixo, ambiente ou normal.

O produto veio configurado para falar essa frase em chinês, mas a fabricante diz que o modelo à venda no Brasil tem instruções em inglês, com manual do usuário em português.

Os NeoBuds Pro permitem ainda usar os fones com modos de som de alta definição (LHDC/LDAC) – mas para isso é preciso ter uma fonte de áudio compatível. Os fones também têm um modo gamer, que pode ser ativado no aplicativo, para melhor sincronia de áudio entre jogo e fone.

A qualidade do som é uma das melhores entre os fones avaliados, com graves equilibrados e uma percepção alta de detalhes ao fundo – como em músicas mais sutis do The National ou jazz de Alice Coltrane.

O microfone também tem ótima qualidade nas ligações. A bateria dos fones dura até 5 horas e o estojo permite entre 3 e 4 recargas completas.

No final de novembro, as lojas online consultadas não tinham disponíveis os NeoBuds Pro. A fabricante indica um valor sugerido de R$ 900 para o produto.

Edifier X5

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site das Americanas

O Edifier X5 é um modelo de entrada da marca. Parece básico, mas não é.

Além disso, é o modelo mais barato dos testes. No final de novembro, o X5 custava em torno de R$ 250 nas lojas on-line.

Os fones não têm cancelamento de ruído ou modo ambiente para prestar atenção no entorno, mas oferecem uma qualidade de som muito boa.

Ouvindo IZA e Pedro Sampaio, os graves tiveram destaques, e ao tocar Jão, o som estava bastante claro. O X5 conta com um microfone duplo para chamadas, também com boa qualidade nos testes.

Os fones são feitos com proteção IP55, contra água e poeira – sendo uma alternativa interessante para quem sua muito quando pratica esportes.

A bateria do Edifier X5 dura até 6 horas nos fones e o estojo permite entre 2 e 3 recargas completas dos fones.

E apesar de não ter app para uso conjunto, o X5 permite comando por toques nos fones para reproduzir música, atender chamadas e até mesmo ativar o Google Assistente ou Alexa.

Huawei Freebuds 4i

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site das Casas Bahia

Veja no site das Americanas

O Huawei Freebuds 4i parece muito em formato com o AirPods Pro, da Apple. A qualidade de som é boa, mas sem os graves fortes do Edifier NeoBuds Pro ou do Beats Studio Buds.

Os tons são mais sutis, mas no geral a experiência é interessante e com bastante detalhes sonoros, seja ouvindo Radiohead, Anitta ou música clássica no smartphone.

Algo interessante é que o volume do Freebuds 4i é mais alto que o dos outros fones. Usar no volume mínimo reproduz músicas em volume aceitável baixo.

Ao tentar reduzir o volume ainda mais, existe uma chance de deixar o fone sem som. Isso significa também que os Freebuds 4i podem tocar música muito alto – o que é desaconselhável nesse tipo de produto.

O cancelamento de ruído não é dos melhores, mas serve para isolar o som no escritório ou dentro de casa.

O modo ambiente (aqui chamado de Reconhecimento) deixa um pouco de ruído/estática ao fundo. Os fones falam em inglês o modo ao alternar sua utilização. O aplicativo para Android está em português e ajuda bastante nos ajustes

A duração da bateria dos fones é uma das mais altas, entre 7h30 e 10 horas de uso, com o estojo permitindo até 3 recargas completas.

No fim de novembro, os Huawei FreeBuds 4i custavam em média R$ 600 nas grandes lojas da internet.

Jaybird Vista 2

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site das Casas Bahia

O Jaybird Vista 2, entre os fones bluetooth avaliados, é indicado para quem pratica esportes de qualquer tipo, incluindo os radicais.

O fone, todo em preto, vem com ponteiras com uma pequena aba para se encaixar melhor ao ouvido e não cair com facilidade. São três ponteiras na caixa (pequena, média, grande).

E o Vista 2 tem certificação IP68, que protege o fone contra água, poeira, suor e quedas. Se cair ou molhar, a chance de quebrar é bem menor.

Nos testes, um dos lados escorregou e caiu no chão durante uma corrida. Nada aconteceu e ele seguiu funcionando normalmente.

Além dessa proteção de tanque de guerra, o Vista 2 tem o melhor aplicativo entre os fones avaliados. O app da Jaybird, compatível com outros fones da marca, tem inúmeras opções de equalização de som. E tem versões para Android e iOS.

Jaybird Vista 2: aplicativo para iPhone tem muitos recursos de ajuste do som

Celso Tavares/g1

Desse modo, a qualidade do áudio dos fones, que é excelente, pode ser ajustada de acordo com o gosto individual de cada um.

São várias predefinições, e é possível criar uma personalizada. Pela pegada mais fitness, ouvir música pop ou eletrônica com graves fortes é uma ótima opção no Vista 2 – melhor selecionar uma playlist com o tema no streaming favorito.

A bateria do Jaybird Vista 2 também dura bastante: oito horas nos fones, com duas ou três recargas no estojo. No final de novembro, os fones da Jaybird custavam em torno de R$ 2.000 nas lojas on-line.

JBL Wave 100 TWS

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site do Carrefour

Veja no site das Americanas

Veja no site das Casas Bahia

O JBL Wave 100TWS entra na mesma categoria de produtos básicos que fazem bastante. O modelo é minimalista desde o estojo, que não tem tampa: os fones ficam presos por um ímã.

A falta de tampa causa um pequeno problema: é fácil se confundir e trocar o lado e, por consequência, achar que os fones estão com problema. A posição dentro do canal auricular influencia bastante no som que sai deles.

Seu pareamento ocorre pelas configurações do notebook/smartphone, sem ter um app dedicado. O Wave 100TWS também não tem cancelamento de ruído ou modo ambiente.

Mas a qualidade de som é tão boa como o Edifier X5, com graves bem fortes. Ouvir artistas como The Weeknd é uma experiência interessante com os fones da JBL.

E apesar de básico, o JBL Wave 100TWS tem comandos por um botão em cada fone, para trocar de faixas, atender a ligações e acionar o Google Assistente.

Sua bateria tem uma duração de até 5h só nos fones, com 4 a 5 recargas no estojo. No fim de novembro, o JBL Wave 100TWS estava à venda na faixa dos R$ 300 nas lojas on-line.

Samsung Galaxy Buds2

g1

???? Onde comprar o produto:

Veja no site das Americanas

Veja no site das Casas Bahia

Veja no site do Carrefour

Se os AirPods são para o mundo iPhone, os Galaxy Buds2 foram feitos para usar com smartphones da Samsung. Mas funcionam com qualquer dispositivo com bluetooth - até com os aparelhos da Apple.

Os fones arredondados e que lembram uma azeitona são bastante poderosos. Ao ouvir - e comparar ao mesmo tempo - uma música da Madonna no modelo da Apple e no da Samsung, a qualidade é muito parecida.

Mas o Galaxy Buds2 dá a sensação de que tem melhor qualidade de som, porque usa ponteiras de borracha e vai mais fundo no canal do ouvido, sem contar o cancelamento de ruído que torna o som mais isolado e melhor.

O da Apple fica mais exposto ao ambiente, pelo design sem ponteiras.

Os Buds2 usam o aplicativo Galaxy Wear para ajuste de configurações. Aqui dá para ativar/desativar o bom cancelamento de ruído e definir como o modo ambiente será usado.

O app tem algo que não aparece em outros fones testados: um teste de ajuste de posição do fone no ouvido.

Ele reproduz um som e informa na tela se os fones estão posicionados direito ou não. Basta repetir o processo para chegar ao encaixe ideal.

A bateria dos Galaxy Buds2, como grande parte dos fones avaliados, dura até 5 horas. O estojo com a bateria vai durar de 3 a 4 recargas antes de voltar para a tomada.

No início de dezembro, os fones Galaxy Buds2, da Samsung, custavam em torno de R$ 900 nas lojas on-line.

Conclusões

DESTAQUE NO CUSTO-BENEFÍCIO: o JBL Wave 100TWS é a melhor opção para quem quer ter um fone bluetooth com som de qualidade sem gastar muito, mas não se importa muito com recursos adicionais.

MELHOR SOM: o Edifier NeoBuds Pro oferece muita coisa – do excelente cancelamento de ruído e som incrível ao monte de ajustes no app – também por um preço interessante.

PARA MALHAR: com bastante dinheiro para investir, o Jaybird Vista 2 é uma excelente opção. E o Edifier X5 é uma boa escolha para ouvir músicas na academia para orçamentos mais apertados.

CADA UM NO SEU NICHO: Apple AirPods e Samsung Galaxy Buds2 funcionam muito bem se estiverem conectados aos aparelhos da mesma marca. Dá certo conectar com outras marcas? Sim, mas não vai ser a mesma coisa.

MELHOR ESTILO: se é preciso aparecer com fones legais que têm qualidade, a indicação é o Beats Studio Buds, opção mais colorida com versões em preto, vermelho e branco.

Como foram feitos os testes

O g1 solicitou aos fabricantes os modelos mais recentes de fones bluetooth. Os aparelhos foram enviados por empréstimo e serão devolvidos.

Foram considerados a facilidade de instalação, os recursos disponíveis e os aplicativos para smartphone (ou não). Depois disso, foram horas e horas de música de estilos variados ouvidos durante as duas últimas semanas de novembro.

O teste de cancelamento de ruídos foi feito no escritório doméstico, com um ventilador ligado. E a redação do g1 serviu de local de testes para o modo ambiente.

A duração da bateria depende muito do perfil de uso de cada pessoa. No geral, todos os fones avaliados aguentam uma semana de uso sem precisar de recarga no estojo.

Dois fones não entraram na lista: o LG Tone Free FP9W, ainda não disponível nas lojas on-line e sem preço sugerido pela fabricante, e o Earbuds GPro TWS, da Gorila Shield, que veio com defeito em um dos fones e a troca não chegou a tempo de entrar na avaliação geral.

O lado que funcionava, porém, parecia promissor na qualidade de som.

E a Xiaomi não tinha o modelo mais novo (Redmi Buds 3 Pro) disponível para envio.

O que prestar atenção na hora da compra

Duração da bateria: os fabricantes dizem que as baterias duram muitas horas nos fones e no estojo de carregamento.

Na prática, o fone se recarrega toda vez que entra no estojo, e isso ocorre várias vezes durante a utilização. Vale mais checar quantas recargas totais o estojo pode fornecer.

Cancelamento de ruído ativo: os fones de ouvido bluetooth mais caros vêm com o recurso para reduzir o ruído externo de fontes constantes, como ventiladores, ar-condicionado e um pouco do barulho da rua.

Mas cancelamento de ruído não significa criar uma bolha de silêncio com os fones. Os aparelhos só reduzem o volume das vozes humanas e sempre sobra algum barulho.

As fabricantes indicam desativar o recurso ao andar ou se exercitar na rua, para evitar distrações e acidentes. Ao usar na rua, o indicado é ativar o modo ambiente.

Modo ambiente: os fones com cancelamento de ruído também trazem o modo de som ambiente (também chamados de atenção ou reconhecimento, dependendo do fabricante), que permite conversar sem tirar os fones do ouvido e até ouvir conversas ao longe.

Vale notar que, na maioria dos modelos, o som quase sempre fica com uma sensação de estática ou ruído metálico ao fundo, mesmo tocando música.

Recursos adicionais: aplicativos para smartphone trazem equalizadores e maior controle de som. Fones com proteção contra água e poeira e ponteiras antibacterianas são algumas das opções adicionais oferecidos pelos fabricantes – o que deixa o preço um pouco mais alto.

Esta reportagem foi produzida com total independência editorial por nosso time de jornalistas e colaboradores especializados. Caso o leitor opte por adquirir algum produto a partir de links disponibilizados, a Globo poderá auferir receita por meio de parcerias comerciais. Esclarecemos que a Globo não possui qualquer controle ou responsabilidade acerca da eventual experiência de compra, mesmo que a partir dos links disponibilizados. Questionamentos ou reclamações em relação ao produto adquirido e/ou processo de compra, pagamento e entrega deverão ser direcionados diretamente ao lojista responsável.

Fonte: G1

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
AL- Fake News - Vacinas
InfoJud 728x90
AL- Vacina que volta