AL- Vacina que volta

Qantas diz que só passageiros vacinados contra Covid-19 poderão embarcar em voos internacionais

Por Redação em 09/09/2021 às 13:13:13
Aérea australiana está com todos os voos internacionais suspensos devido a restrições governamentais. Retomada está prevista para meados de dezembro. Qantas Airways QF100 decola no aeroporto de Sidney, na Austrália, no 100º aniversário da companhia aérea australiana em 16 de novembro de 2020

Destination NSW/Handout via Reuters

A companhia aérea australiana Qantas anunciou que pretende proibir o embarque em voos internacionais de passageiros que não tenham se vacinado contra a Covid-19.

A informação foi dada pelo Ceo da empresa, Alan Joyce, nessa quarta-feira (8). Segundo o site traveller.com.au, o executivo disse que “a Qantas terá uma política internacional de transportar apenas passageiros vacinados".

Atualmente, a Qantas está com todos os voos internacionais suspensos devido a restrições impostas pelo governo australiano. As fronteiras do país estão totalmente fechadas , com isenções concedidas apenas a cidadãos australianos e residentes permanentes, e algumas outras pessoas que possam provar sua necessidade de viajar.

A expectativa da Qantas é retomar todas as suas operações em meados de dezembro, quando a Austrália estima já ter vacinado 80% da sua população contra a Covid-19.

Segundo o Ceo da empresa, barrar passageiros não vacinados tem como foco a necessidade de proteção da coletividade.

“Achamos que todos deveriam se proteger, mas também temos a obrigação de proteger nossos colegas e passageiros. E também há a obrigação de proteger a comunidade”, disse.

A companhia não esclareceu ainda, porém, se também exigirá o comprovante da vacinação nos voos domésticos.

Vacinação obrigatória para funcionários

Em agosto, a empresa já havia anunciado a exigência de que todos os seus funcionários da linha de frente - da tripulação de cabine aos trabalhadores do aeroporto – sejam vacinados até 15 de novembro. O mesmo vale para os empregados de sua afiliada econômica Jetstar.

Já os funcionários de outras áreas que não a linha de frente serão obrigados a se vacinar até 31 de março de 2022.

Fonte: G1

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
AL- Fake News - Vacinas
InfoJud 728x90