AL- Fake News - Vacinas

Globo de Ouro 2021: 'Nomadland', 'The Crown', 'Borat 2' e 'O gambito da rainha' se destacam

Por Redação em 01/03/2021 às 02:00:36

NBC via Reuters

Com prêmios divididos no cinema e lavada de "The Crown" entre as séries, o Globo de Ouro 2021 anunciou neste domingo (28) os vencedores de sua 78ª edição. Promovida pela Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood (HFPA, na sigla original), a disputa dá largada à temporada de prêmios.

FOTOS do Globo de Ouro

Jane Fonda é homenageada: veja discurso

Veja um resumo da cerimônia:

“Nomadland”, “Borat: fita de cinema seguinte" e “Soul” foram os maiores vencedores de cinema, com dois prêmios cada. O primeiro levou as categorias de Melhor Filme - Drama e Melhor Direção. E o segundo, Melhor Filme - Comédia ou Musical e Melhor ator em filme - Comédia ou Musical para Sacha Baron Cohen;

A animação da Pixar venceu as duas categorias às quais estava indicada: Melhor Animação e Melhor trilha sonora;

Chadwick Boseman venceu a categoria de Melhor ator de filme - Drama por seu papel em “A voz suprema do blues”;

As maiores decepções foram "Mank", “Bela Vingança” e “Meu pai”, que ficaram sem prêmios mesmo tendo 6, 4 e 4 indicações, respectivamente;

“The Crown” foi a grande vencedora entre as séries, com quatro prêmios. Ela venceu Melhor série - Drama, Melhor ator, Melhor atriz e Melhor atriz coadjuvante. A trama sobre a família real britânica era também a mais indicada, com seis nomeações;

A comédia “Schitt’s Creek” e a minissérie “O gambito da rainha” vieram em seguida, com duas estatuetas cada;

A noite teve homenagens às carreiras de Jane Fonda (que pediu diversidade em Hollywood) e Norman Lear (muito emocionado e agradecido à família e às equipes com quem trabalhou).

Jane Fonda é homenageada no Globo de Ouro 2021

Reprodução

Discursos, choros e palmas

Simone Ledward, viúva do ator Chadwick Boseman, fez um discurso emocionado de agradecimento pelo prêmio póstumo. "Ele agradeceria a Deus, seus pais, seus ancestrais, à sua incrível equipe. Ele diria algo bonito, algo inspirador. Algo que amplificaria a voz dentro de todos nós que nos faria seguir em frente neste momento."

Simone Ledward, esposa de Chadwick Boseman, agradece Globo de Ouro póstumo do marido pela atuação em 'A Voz Suprema do Blues'

Divulgação; Reprodução

Também teve momento fofura: Jodie Foster venceu o prêmio de Melhor atriz coadjuvante pelo filme “The Mauritanian” e ouviu aplausos dos vizinhos do prédio.

Alguns artistas aproveitaram seus discursos para falar sobre a democracia americana. Mark Ruffalo, vencedor como Melhor ator em série limitada ou filme para TV por “I Know This Much Is True”, falou sobre o passado recente do país.

“Então, vamos ser corajosos juntos. Vamos virar a página sobre o passado cruel desta nação. A boa notícia é que a inclusão, a justiça e o cuidado com a Mãe Terra estão surgindo em todos os lugares. A luz divina da decência está rompendo a horrível e escura tempestade que temos vivido.”

Aaron Sorkin, vencedor de melhor roteiro por “Os 7 de Chicago”, fez referência à invasão do Capitólio, nos Estados Unidos, em seu discurso.

E Sacha Baron Cohen, que levou duas estatuetas por “Borat: fita de cinema seguinte”, alfinetou Donald Trump e seus pedidos de recontagem das eleições e a Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood por não ter negros entre seus membros.

Daniel Levy, criador e ator de “Schitt's Creek”, agradeceu o prêmio de Melhor série de comédia e pediu mais representatividade nas indicações. “Espero que a cerimônia do ano que vem espelhe a diversidade do cinema e da televisão”.

Emma Corrin, vencedora de melhor atriz em série de drama por “The Crown”, agradeceu a princesa Diana pelo prêmio. “Você me ensinou compaixão e empatia além de qualquer medida que eu poderia imaginar. Em nome de todos que se lembram de você com tanto carinho e paixão em nossos corações, obrigado. ”

Tina Fey e Amy Poehler apresentam o Globo de Ouro 2021 à distância; Tina está em Nova York e Amy em Beverly Hills

NBC via AP

Veja lista de vencedores:

Cinema

Melhor Filme - Drama

“Meu Pai”

“Mank”

“Nomadland”

“Bela vingança”

“Os 7 de Chicago”

Melhor filme - Musical ou comédia

“Borat: fita de cinema seguinte”

“Hamilton”

“Palm Springs”

“Music”

“A Festa de Formatura”

Melhor diretor

Emerald Fennell — "Bela Vingança"

David Fincher — "Mank"

Regina King — "Uma noite em Miami..."

Aaron Sorkin — "Os 7 de Chicago"

Chloé Zhao — "Nomadland"

Melhor atriz de filme - Drama

Viola Davis ("A voz suprema do blues")

Andra Day ("Estados Unidos Vs Billie Holiday")

Vanessa Kirby ("Pieces of a Woman")

Frances McDormand ("Nomadland")

Carey Mulligan ("Bela vingança")

Melhor ator de filme - Drama

Riz Ahmed (“O som do silêncio”)

Chadwick Boseman (“A voz suprema do blues”)

Anthony Hopkins (“Meu pai”)

Gary Oldman (“Mank”)

Tahar Rahim (“The Mauritanian”)

Melhor atriz em filme - Musical ou comédia

Maria Bakalova (“Borat: Fita de cinema seguinte”)

Michelle Pfeiffer (“French Exit”)

Anya Taylor-Joy (“Emma”)

Kate Hudson (“Music”)

Rosamund Pike (“Eu me importo”)

Rosamund Pike recebe Globo de Ouro de melhor atriz de comédia ou musical por 'Eu Me Importo'

Christopher Polk/NBC Handout via Reuters

Melhor ator em filme - Musical ou comédia

Sacha Baron Cohen (“Borat: fita de cinema seguinte”)

James Corden (“A Festa de Formatura”)

Lin-Manuel Miranda (“Hamilton”)

Dev Patel (“The Personal History of David Copperfield”)

Andy Samberg (“Palm Springs”)

Melhor ator coadjuvante

Sacha Baron Cohen (“Os sete de Chicago”)

Daniel Kaluuya (“Judas e o messias negro”)

Jared Leto (“Os pequenos vestígios”)

Bill Murray (“On the Rocks”)

Leslie Odom, Jr. (“Uma noite em Miami...”)

Melhor atriz coadjuvante

Glenn Close (“Era uma vez um sonho”)

Olivia Colman (“Meu pai”)

Jodie Foster (“The Mauritanian”)

Amanda Seyfried (“Mank”)

Helena Zengel (“News of the World”)

Melhor roteiro

“Bela vingança"

“Mank”

“Os 7 de Chicago"

“Meu pai"

“Nomadland”

Melhor filme em língua estrangeira

“Another Round” ("Druk") - Dinamarca

“La Llorona” - Guatemala / França

"Rosa e Momo (“The Life Ahead” ou "La vita davanti a sé") - Itália

"Minari - Em Busca da Felicidade" - EUA

"Nós duas" (“Two of Us” ou "Deux") - França e EUA

Melhor animação

“Os Croods 2: Uma Nova Era”

“Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica”

“A caminho da Lua"

“Soul”

“Wolfwalkers”

Trent Reznor recebe Globo de Ouro pela trilha sonora original de 'Soul'

Christopher Polk/NBC via Reuters

Melhor trilha sonora

“O céu da meia-noite” – Alexandre Desplat

“Tenet” – Ludwig Göransson

“News of the World” – James Newton Howard

“Mank” – Trent Reznor, Atticus Ross

“Soul” – Trent Reznor, Atticus Ross, Jon Batiste

Melhor canção original

“Fight for You” de "Judas e o messias negro" – H.E.R., Dernst Emile II, Tiara Thomas

“Hear My Voice” de “Os 7 de Chicago” – Daniel Pemberton, Celeste

“Io Si (Seen)” de “Rosa e Momo” – Diane Warren, Laura Pausini, Niccolò Agliardi

“Speak Now” de “Uma noite em Miami...” – Leslie Odom Jr, Sam Ashworth

“Tigress & Tweed” de "Estados Unidos Vs Billie Holiday" – Andra Day, Raphael Saadiq

Veja uma playlist com trailers dos principais indicados abaixo e a lista na sequência:

TV

Melhor série - Drama

“The Crown”

“Lovecraft Country”

“The Mandalorian”

“Ozark”

“Ratched”

Melhor série - Musical ou comédia

"Emily em Paris"

"The Flight Attendant"

"The Great"

"Schitt's Creek"

"Ted Lasso"

Daniel Levy recebe o Globo de Ouro de melhor série de comédia ou musical por 'Schitts Creek'

NBC via AP

Melhor série limitada ou filme para TV

“Normal People”

“O gambito da rainha”

“Small Axe”

“The Undoing”

“Unorthodox”

Anya Taylor-Joy é premiada com o Globo de Ouro de melhor atriz em série limitada ou filme para TV por 'Gambito da Rainha'

Peter Kramer/NBC via Reuters

Melhor atriz em série - Drama

Emma Corrin (“The Crown”)

Olivia Colman (“The Crown”)

Jodie Comer (“Killing Eve”)

Laura Linney (“Ozark”)

Sarah Paulson (“Ratched”)

Melhor ator em série - Drama

Jason Bateman (“Ozark”)

Josh O’Connor (“The Crown”)

Bob Odenkirk (“Better Call Saul”)

Al Pacino (“Hunters”)

Matthew Rhys (“Perry Mason”)

Melhor atriz em série - Musical ou comédia

Lily Collins (“Emily em Paris”)

Kaley Cuoco (“The Flight Attendant”)

Elle Fanning (“The Great”)

Jane Levy (“Zoey’s Extraordinary Playlist”)

Catherine O’Hara (“Schitt’s Creek”)

Melhor ator em série - Musical ou comédia

Don Cheadle (“Black Monday”)

Nicholas Hoult (“The Great”)

Eugene Levy (“Schitt’s Creek”)

Jason Sudeikis (“Ted Lasso”)

Ramy Youssef (“Ramy”)

Melhor atriz em série limitada ou filme para TV

Cate Blanchett (“Mrs. America”)

Daisy Edgar-Jones ("Normal People")

Shira Haas (“Unorthodox”)

Nicole Kidman (“The Undoing”)

Anya Taylor-Joy (“O Gambito da Rainha”)

Melhor ator em série limitada ou filme para TV

Bryan Cranston (“Your Honor”)

Jeff Daniels (“The Comey Rule”)

Hugh Grant (“The Undoing”)

Ethan Hawke (“The Good Lord Bird”)

Mark Ruffalo (“I Know This Much Is True”)

Mark Ruffalo discursa após receber o Globo de Ouro de melhor ator em série limitada ou filme para TV por 'I Know This Much Is True'

Peter Kramer/NBC via Reuters

Melhor atriz coadjuvante em série

Gillian Anderson - "The crown"

Helena Bonham Carter - "The crown"

Julia Garner - "Ozark"

Annie Murphy - "Schitt's creek"

Cynthia Nixon - "Ratched"

Melhor ator coadjuvante em série

John Boyega (“Small Axe”)

Brendan Gleeson (“The Comey Rule”)

Dan Levy (“Schitt’s Creek”)

Jim Parsons (“Hollywood”)

Donald Sutherland (“The Undoing”)

Fonte: G1

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
InfoJud 728x90