AL- Fake News - Vacinas

"Nos incomodamos com negras bravas, mas não com brancos agressivos", diz Alexandra Loras sobre "BBB 21"

Por Redação em 19/02/2021 às 13:45:42

Em entrevista ao programa Morning Show, da Jovem Pan, nesta sexta-feira, 19, a consultora em Afro-Consciência Alexandra Loras, analisou o polêmico debate racial levantado pelas participantes Lumena e Karol Conká durante a 21ª edição do Big Brother Brasil. “É importante que o BBB esteja nos dando a oportunidade de jogar luz sobre questões que devem ser discutidas. Considero triste que estão incorporando todo o peso da representatividade negra na Lumena, sendo que ela é uma mulher negra em construção. Ela não é a voz dos 118 milhões brasileiros negros porque somos diferentes, únicos e cada um de nós tem suas próprias dores e experiência. Cada negro, diariamente, passa por microagressões e microhumilhações. Por isso, acho polêmico quando vejo o público querendo cancelar, apagar, silenciar e enterrar indivíduos que precisam lidar com seus traumas e estão em construção. Por exemplo, finalmente vemos negros na televisão, tendo oportunidade de colocar seus pontos de vista e mesmo assim nos incomodamos muito quando negras empoderadas têm atitudes bravas, radicais e, às vezes, desatualizadas. No entanto, estamos totalmente acostumados a ver homens brancos sendo agressivos e tomando as mesmas atitudes”, disse.

Ao ser questionada sobre a postura do vereador Thammy Miranda, que afirmou que processará Lumena por praticar ‘racismo reverso’ contra a atriz Carla Diaz, Alexandra Loras pontuou que racimo reverso não existe. “Acredito que o Thammy tenha se confundido porque é uma questão complexa. Ele pode falar que Carla Diaz sofreu preconceito, não racismo reverso. O racismo se dá quando uma raça é inferiorizada sistematicamente por todas as camadas da sociedade, como aconteceu com os negros. Portanto, o racismo reverso apenas existiria se os negros entrassem em uma máquina do tempo e escravizassem, estuprassem e matassem os brancos por séculos, arrastando as consequências deste período até os dias atuais.” O vereador comentou nas redes sociais as ofensas feitas pela psicóloga à Diaz nesta quinta-feira, 18. “Estou aqui vendo as coisas daquela imbecil da Lumena e aí eu estava aqui pensando: racismo é racismo. A atitude que ela está tomando com a Carla Diaz é de racismo. Ela falou ‘essa branquitude de merd*’, se fosse a Carla Diaz falando ‘essa negritude de merd*’, a Carla saía da casa presa do Big Brother“, disse Thammy em seu posicionamento.

Confira na íntegra a entrevista com Alexandra Loras:

Fonte: JP

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
InfoJud 728x90