Agro Noticia 728x90

Mendes e mais 14 governadores pedem diálogo de Bolsonaro com a China

Por Redação em 22/01/2021 às 08:11:05

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), e mais 14 gestores estaduais enviaram uma carta para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na quarta-feira (20), pedindo "diálogo diplomático" com a China para garantir insumos para a produção da vacina contra a covid-19 e com a Índia para a compra de mais doses do imunizante.

O texto tem a assinatura de governadores como Flávio Dino (PC do B), do Maranhão; Fátima Bezerra (PT), do Rio Grande do Norte; João Doria (PSDB), de São Paulo; Romeu Zema (Novo), de Minas Gerais; e Eduardo Leite (PSDB), do Rio Grande do Sul.

"(...) solicitamos a essa Presidência que seja avaliada a possibilidade de estabelecimento de diálogo diplomático com os governos dos países provedores dos referidos insumos, sobretudo China e Índia, de modo a assegurar a continuidade do processo de imunização no país", diz trecho do documento.

A colaboração de China e Índia é necessária para que o Brasil consiga mais doses das vacinas contra o novo coronavírus.

O Instituto Butantan e a FioCruz aguardam a chegada da China de um dos insumos que servem de base para a produção da CoronaVac em solo brasileiro.

Já o governo federal espera a autorização da Índia para importar um lote com dois milhões de doses da vacina AstraZeneca.

Os representantes dos laboratórios brasileiros temem que a demora no envio das cargas afete o ritmo da campanha de imunização no país. Na terça-feira (19), a FioCruz adiou de fevereiro para março a previsão de entrega das primeiras doses da vacina Oxford/AstraZeneca que serão produzidas no Brasil.



Fonte: Gazeta Digital

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
InfoJud 728x90