Agro Noticia 728x90

Justiça decreta prisão preventiva de ex-deputado flagrado com R$ 1,9 mi no Ceará

Por Redação em 21/11/2020 às 15:15:31

O juízo da 11ª Vara da Justiça Federal do Ceará decretou na noite desta sexta, 20, a prisão preventiva do ex-deputado Adail Carneiro, que foi flagrado com R$ 1.988.635,00 escondidos em uma caixa de televisão durante a Operação Km Livre 2, deflagrada no dia anterior, 19. Adail foi um dos principais alvos da investigação que mira fraudes na contratação de serviços de locação de veículos e motocicletas, com desvio de recursos públicos, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro. Na primeira fase da operação, aberta em 2016, a PF apreendeu quase R$ 6 milhões em dinheiro vivo no cofre de uma empresa ligada ao então parlamentar.

Leia também

Bolsonaro recebe corregedor de tribunal que julgará Flávio no caso das 'rachadinhas'

'Crime de racismo sem nenhuma dúvida', diz Paim sobre assassinato de homem negro em Porto Alegre

Justiça cassa liminar que suspendia Assembleia Geral da Santa Casa

A partir dos valores e objetos apreendidos na primeira fase da ofensiva, a corporação identificou a atuação da organização criminosa na criação de empresas com participação de "laranjas", além de indícios de fraudes em licitações, desvios de recursos públicos e lavagem de dinheiro com aquisição de imóveis, empresas e transações no mercado financeiro. Segundo os investigadores, há "fortes evidências de lavagem de dinheiro ilícito por meio da aquisição clandestina de corretoras valores e de sociedades em conta de participação do ramo de energia eólica, com a ajuda estratégica de operadores do mercado financeiro". Ainda segundo a PF, a organização criminosa investigada atua há cerca de vinte anos e, desde então, "tem obtido consecutivos e progressivos êxitos nas empreitadas criminosas objeto de investigação".

*Com Estadão Conteúdo

Fonte: JP

Comunicar erro
Coronavirus 728x90
InfoJud 728x90