MT realiza o maior pacote de infraestrutura do Brasil

Padilha diz que foco do trabalho desta semana ser√° em torno da negociação da reforma tribut√°ria

Por Redação em 08/07/2024 às 18:15:25

O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, afirmou que o foco do trabalho legislativo desta semana ser√° a negociação em torno do projeto para a regulamentação da reforma tribut√°ria. O assunto foi o principal tema discutido na reunião entre Padilha, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e os l√≠deres do governo no Congresso nesta segunda-feira (8). "Essa é uma semana muito importante para consolidarmos todo o esforço de reequil√≠brio e recuperação econômica do nosso pa√≠s e a agenda econômica social priorit√°ria do governo do Congresso no primeiro semestre, com toda a concentração nossa, dos l√≠deres, como também do próprio ministro da Fazenda, no di√°logo com a Câmara dos Deputados para votarmos até o dia 17 a regulamentação da reforma tribut√°ria no âmbito da Câmara", afirmou ao deixar a Fazenda.

A avaliação de Padilha é de que o trabalho j√° feito pelos deputados do grupo de trabalho trouxe muitos consensos que serão importantes para a votação do texto. Embora o prazo vislumbrado pelo governo seja o dia 17 de julho, a intenção é tentar adiantar essa votação para esta semana. "Chegamos num texto muito positivo, que aponta a grande maioria de consensos e cria um ambiente muito favor√°vel para a votação. O mais importante é aprovar a regulamentação da reforma tribut√°ria. Nada é melhor do que aprovar a regulamentação com a maioria poss√≠vel dentro do Congresso Nacional. Esse vai ser o esforço na Câmara dos Deputados nesta semana", afirmou.

Além da tribut√°ria, Padilha destacou que na agenda da Câmara ainda h√° intenção de avançar nos projetos que tratam da reforma do ensino médio, do Fundo Social para PPPs do BNDES, o programa Acredita, de microcrédito, e o regramento de seguros privados. "A prioridade absoluta, não só para a Câmara, mas para o Brasil, e eu diria que a coisa mais importante a acontecer, de um ponto de vista econômico no Brasil, é concluirmos, até o dia 17 de julho a votação do projeto de lei que regula, regulamenta o ICBS dentro da reforma tribut√°ria", reiterou.

Padilha avalia que os principais pontos da agenda econômica do governo tiveram avanço significativo neste semestre legislativo, mas a votação crucial é a do primeiro projeto da reforma tribut√°ria. Ele não descarta que o segundo texto possa ser votado no esforço concentrado de agosto. "Às vezes a Câmara deixa alguma coisa para ser votada em agosto, para mobilizar o esforço concentrado também", disse.


Fonte: JP

Comunicar erro
Radio Jornal de Caceres
InfoJud 728x90
Combate a dengue 2023
Garotas de programa Goiania