Agro Noticia 728x90

Quarentena em SP: entenda o que pode funcionar durante o período

Por Redação em 21/03/2020 às 14:09:25

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou neste sábado (21) a quarentena em todo o Estado de 24 de março a 07 de abril. No período, alguns serviços serão suspensos para evitar a aglomeração de pessoas e o avanço da transmissão do coronavírus. O decreto com a determinação será publicado em uma edição extraordinária do Diário Oficial do Estado.

Entenda o que abre e o que fecha durante o período

O que funciona?
Serviços essenciais de diversas áreas estão liberados da quarentena.

Saúde: Hospitais, clínicas e clínicas odontológicas – públicas ou da rede privada – e farmácias.

Alimentação: Supermercados, hipermercados, padarias (que na Capital atuam como mini mercados) e açougues.

Transporte: Transporte público, armazéns, postos de combustíveis, oficinas mecânicas, ônibus, metrô, trens, táxis, aplicativo de transporte, operações de call center, pet shops e bancas de jornal.

Segurança: Todas as áreas da segurança pública e privada continuam funcionando normalmente, seguindo as orientações sanitárias. Assim como na saúde, no setor público, férias e licenças estão suspensas.

Limpeza e zeladoria: Todos os serviços continuam funcionando, seguindo orientações sanitárias.

Bancos e lotéricas: Todos os serviços continuam funcionando, seguindo orientações sanitárias.

O que não funciona?
Serviços não essenciais.

Alimentação: serviços de alimentação preparada, como bares, restaurantes e cafés. Neste caso, o governador sugere que os estabelecimentos se valham do serviço de delivery para continuar funcionando.

Shoppings: assim como anunciado durante a semana, os shoppings têm até a próxima segunda-feira (23) para fechar as portas.

"Delivery é uma forma criativa de prosseguirmos funcionando e mantendo os empregos. Solicitamos que os empresários sejam criativos e solidários em um momento de profunda dificuldade para o país e o Estado de São Paulo", disse Doria.

"Dias melhores virão pela frente. Peço que preservem os empregos destas pessoas, estabeleçam um entendimento possível com eles, eles serão úteis agora e após a crise", completou.

Vale lembrar que o decreto pode ser renovado ou estendido de acordo com a necessidade.

Coronavírus no Brasil

O mais recente balanço das secretarias estaduais de saúde aponta 1.021 infectados pela Covid-19 no Brasil e 18 mortes, sendo 15 em São Paulo e três no Rio de Janeiro. Além de contabilizarem os primeiros óbitos, os estados concentram a maioria dos casos. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), já são mais de 284 mil casos e quase de 12 mil mortes pelo mundo.

O novo agente foi descoberto em 31 de dezembro de 2019, em Wuhan, sétima maior cidade da China, após autoridades locais alertarem a OMS sobre uma "misteriosa pneumonia" que atingiu a região. O vírus, nomeado como 2019-nCoV, logo foi apontado como uma variação da família coronavírus, identificada na década de 1960. Ainda não se sabe como ocorreu a mutação que permitiu seu surgimento.

Fonte: JP

Coronavirus 728x90

Comentários

InfoJud 728x90