conecte-se conosco


Mato Grosso

Hospital São Luiz de Cáceres é credenciado Amigo da Criança

Publicado

A preconização da promoção, proteção e o apoio ao aleitamento materno, além de uma série de ações voltadas aos recém-nascidos desde o pré-natal, a assistência ao parto até o acompanhamento da criança em seu primeiro ano de vida são os motivos que levaram o Hospital São Luiz, em Cáceres, a receber o título de Hospital Amigo da Criança. A unidade é credenciada e atente 85% dos pacientes junto ao Sistema único de Saúde (SUS).

A solenidade oficial do credenciamento aconteceu nesta quinta-feira (03.12), na unidade, com a presença de representantes do Ministério da Saúde, da Secretaria de Estado de Saúde (SES), deputados, gestores do hospital e sociedade.

A dona de casa Ana Luiza de Assunção é exemplo da importância da iniciativa. Ela teve seu filho no Hospital São Luiz e recebeu toda a orientação desde o pré-natal até os dois anos do bebê. “Foi uma experiência única o acompanhamento que o hospital me proporcionou. Ainda grávida tinha muitas dúvidas e informações desencontradas, mas com orientação e a forma correta de estimular a amamentação nos primeiros dias de vida foram fundamentais para meu filho ser um menino cheio de vida hoje com cinco anos”, disse Ana Luiza.  

Leia mais:  SES desenvolve oficinas para construção do Plano de Educação Permanente em Saúde

O diretor executivo do hospital, Onair Nogueira, destacou o reconhecimento e atribuiu à toda equipe da unidade que se empenhou para ser um Hospital Amigo da Criança. Ele frisou os esforços para a conquista do título que aconteceu em 2013, com a Portaria 1.374, e envolveram todos os profissionais do hospital entre enfermeiros, médicos, técnicos e administrativo. “Nós empenhamos para cumprir os 10 passos para o Sucesso do Aleitamento Materno e os 10 critérios e normas para o processo de habilitação. Somado a isso, a tradição do Hospital junto a Associação Congregação de Santa Catarina, que tem por objetivo primar pelo bem estar de seus pacientes”, destacou Onair.

A técnica do Ministério da Saúde, Renara Araújo, destacou que já são mais de 19 mil hospitais Amigo da Criança em todo o mundo e 329 no Brasil. Ela salienta que todos os municípios, por meio das equipes de Saúde da Família e maternidades podem desenvolver ações de promoção do aleitamento materno, buscando um futuro credenciamento na Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC). “Parabenizo a gestão do Hospital São Luiz em promover a iniciativa na unidade em mostrar que o trabalho feito em equipe envolvendo desde o segurança até o médico fazem muita diferença para quem busca a unidade”, disse Renara.

Leia mais:  Identificação ajudará a garantir direitos

O secretário-adjunto de Serviços de Saúde da SES, Werley Silva Peres, parabenizou a iniciativa do Hospital São Luiz e lembrou que o credenciamento se dá quando a unidade de saúde mobiliza seus profissionais e muda a concepção de tratamento à mãe e ao bebê. Ele destacou que o hospital é o segundo no estado a receber o título, o primeiro foi o hospital Santa Helena, de Cuiabá, em 2009. Estão em processo de credenciamento o hospital Santo Antônio, em Sinop e a Santa Casa de Rondonópolis. “Esperamos que exemplos como estes estimulem outras unidades a fazerem o mesmo. Hospitais interessados em conhecer o processo para desenvolver o IHAC, podem procurar a Secretaria de Estado de Saúde, por meio da Área Técnica Saúde da Mulher e da Criança”, explica Peres.

Participaram da solenidade o deputado Federal, Ezequiel Fonseca, o deputado estadual Leonardo Albuquerque, diretor do Hospital Regional de Cáceres, Mário Rodrigo Kaoru, dentre outros.

publicidade

Mato Grosso

Força Tática apreende dois menores por roubos em Rondonópolis

Publicado

por

Policiais da 14ª Companhia de Força Tática de Rondonópolis apreenderam dois adolescentes, de 15 e 17 anos, pelo roubo em uma pizzaria da Vila Operária. A ação ocorreu na noite desta quinta-feira (15.11), por volta das 22h.

Os menores estavam em uma motocicleta e com uma “pistola” falsa, ou seja, um simulacro de arma de fogo, quando foram apreendidos. A guarnição da Força Tática chegou ao local rapidamente e os adolescentes foram localizado no bairro Vila Verde, mesma região onde ocorreu roubo.

Na Central de Flagrante, para onde foram levados, eles foram reconhecidos por mais um roubo, ocorrido no dia 11 deste mês, no bairro Jardim Tropical, também em Rondonópolis.

Em ambas as ocorrências os suspeitos ameaçaram as vítimas e roubaram dinheiro, aparelhos de telefone celular, entre outros produtos.

Nesse último caso, o da Vila Operária, os celulares e joias roubadas ainda estavam com L.P.S.S. 17 anos, e F.C.A., 15 anos quando ocorreu a abordagem policial.

Leia mais:  SES desenvolve oficinas para construção do Plano de Educação Permanente em Saúde
Continue lendo

Mato Grosso

Revitalização das unidades do Indea garantem melhorias no ambiente laboral e no atendimento ao produtor

Publicado

por

Já chega a 21 o número de Unidades Locais de Execução do Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT), que foram revitalizadas e entregues aos produtores rurais e servidores. Nos dias 13 e 14 de novembro, foram reinauguradas as unidades dos municípios de Campo Novo do Parecis, Tangará da Serra, Arenápolis, Barra do Bugres, Araputanga e Comodoro.

Além das ULEs, também foram reinauguradas as barreiras sanitárias Corixinha e Corixa, localizadas em Cáceres, na fronteira com a Bolívia. Para o servidor do Indea, Edgard de Oliveira Rosa Junior, responsável por dar suporte às barreiras sanitárias, as reformas foram feitas em momento oportuno. “Acompanho esse trabalho de fiscalização na fronteira desde o início, em fevereiro de 2007, sempre dando assistência e apoio para as barreiras. As reformas foram essenciais, em momento oportuno, pois já estavam bastante danificadas”.

De acordo com a presidente do Indea, Daniella Bueno, essa rodada de entregas veio coroar a parceria público-privada, com a revitalização de unidades estratégicas para a defesa agropecuária. “Reinauguramos duas das sete barreiras sanitárias que temos, na fronteira com a Bolívia. São locais de extrema importância para salvaguardar as nossas conquistas sanitárias, e que ainda funcionam como ponto de apoio no período de fiscalização das etapas de vacinação contra a febre aftosa, e durante o ano todo para as equipes que trabalham na vigilância veterinária”.

Leia mais:  Governo reitera lisura da Caravana da Transformação e destaca alcance social do programa

As obras de revitalização das unidades são realizadas com recursos do Fundo Emergencial de Saúde Animal do Estado de Mato Grosso (Fesa) e do Fundo Mato-grossense de Apoio à Cultura da Semente (Fase). O projeto contempla a reforma das 140 unidades do Indea e até a conclusão devem ser investidos R$ 9,5 milhões nas reformas, estruturação das unidades com a aquisição de mobiliários e a adequação das redes lógica e elétrica.

Para o presidente do Fesa-MT, Marco Túlio Duarte Soares, até julho de 2019 todas as 140 unidades do Indea devem ser reformadas. “Sem dúvida, é um sentimento de dever cumprido. Nessa rodada já completamos 21 unidades reformadas e entregues. Temos muito mais a frente e para nós é uma alegria muito grande de ver o brilho nos olhos dos servidores, com um ambiente melhor para se trabalhar, e para os produtores que vem buscar os serviços também vemos um nível de satisfação muito grande, isso nos motiva a continuar esse projeto e até julho de 2019, finalizaremos todas as unidades”.

A representante do Fase-MT, Eloiza Zuconelli, destacou a união de esforços para a concretização do projeto. “É a concretização de um projeto que foi pensado e feito a várias mãos, e agora nas entregas conseguimos ver que foi muito bem realizado. Não é apenas um prédio novo, mas sim, uma nova perspectiva. Temos a satisfação em ver a alegria das lideranças das unidades do Indea com as mudanças, e dos produtores com a melhoria na prestação dos serviços”.

Leia mais:  Ouvidoria Setorial de Saúde realiza Encontro dos ouvidores do Estado de Mato Grosso

Para o superintendente Federal de Agricultura em Mato Grosso (SFA/MT), José de Assis Guaresqui, é o retorno dos recursos pagos pelo produtor sendo devolvido em melhorias e qualidade de atendimento. “Essa parceria entre a iniciativa privada e setor público tem sido sempre no sentido de buscar, cada vez mais, oferecer um serviço de qualidade e também de devolver os impostos pagos pelo produtor”.

“Sabemos da importância do Indea para o município, parabenizamos todos os servidores, e ficamos felizes pois certamente os produtores contarão com uma estrutura melhor para o atendimento”, disse o prefeito de Comodoro, Jeferson Ferreira Gomes.

Estiveram presentes nas reinaugurações os servidores do Indea, o vice-presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Amarildo Merotti, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), Normando Corral, e autoridades municipais.

Vistoria

Na quarta-feira (14.11), os gestores do Indea e Fesa estiveram na ULE de Pontes e Lacerda, para a vistoria da obra de revitalização. Na ocasião, foi avaliada a possibilidade de mudança de local para o funcionamento da unidade.

Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Polícia Federal

Mais Lidas da Semana