conecte-se conosco


Esportes

Haas confirma Pietro Fittipaldi como piloto de testes na Fórmula 1 para 2019

Publicado

O brasileiro Pietro Fittipaldi, 22 anos, foi anunciado como o novo piloto de testes oficial da equipe norte-americana Haas de Fórmula 1 para o próximo ano, informou a própria escuderia nesta sexta-feira.

Leia também: Ayrton Senna não estava feliz com sua vida e bastante chateado com Schumacher


O brasileiro Pietro Fittipaldi, 22 anos, foi anunciado como o novo piloto de testes oficial da Haas
Divulgação/Haas F1 Team

O brasileiro Pietro Fittipaldi, 22 anos, foi anunciado como o novo piloto de testes oficial da Haas

Neto do bicampeão mundial Emerson Fittipaldi, Pietro Fittipaldi , nascido em Miami, nos Estados Unidos, fará seu primeiro treino durante um teste de pneus da Pirelli, marcado para ocorrer no dia 27 de novembro em Abu Dhabi.

“Estou extremamente feliz de conquistar a vaga de piloto de testes da Haas F1 Team”, afirmou Fittipaldi, ressaltando que “é uma grande oportunidade, um passo importante” para buscar seu sonho “que é poder pilotar na Fórmula 1”.

Leia também: Hamilton se declara ao Brasil e afirma que Interlagos é seu calcanhar de Aquiles

Em comunicado durante o Grande Prêmio do Brasil, o chefe da equipe, Guenther Steiner, afirmou que “o papel subsequente que ele [Fittipaldi] terá nos testes e as informações que ele nos dará em apoio a nossa campanha em 2019 vão sem dúvida contribuir para o crescimento e desenvolvimento da equipe Haas F1 na Fórmula 1 “.

Leia mais:  Convocado para amistosos, zagueiro Miranda renova com a Inter de Milão até 2020

Treino livre desta sexta-feira da Haas em Interlagos

Leia também: Jovens do kart substituirão grid girls antes do GP do Brasil em Interlagos

Pietro Fittipaldi participou de seis etapas com a equipe Dale Coyne Racing na Fórmula Indy neste ano, depois de sofrer um grave acidente nos treinos para a abertura do Mundial de Endurance, no dia 4 de maio, em Spa, na Bélgica.

publicidade

Esportes

Palmeiras empata com Paraná e bate recorde de invencibilidade no Brasileirão

Publicado

por


Palmeiras empata com Paraná na 35ª rodada do Brasileirão
Reprodução

Palmeiras empata com Paraná na 35ª rodada do Brasileirão

O Palmeiras viajou até o Sul do país para enfrentar o Paraná. Precisando de dinheiro neste fim de ano, a administração do clube paranaense vendeu o mando de campo para o Estádio do Café e, para quem seria visitante nesta rodada do Brasileiro, o Palmeiras teve a totalidade dos torcedores: 25 mil pessoas.

Leia também:  Narração de gol em rádio salva vida de homem na Espanha. Entenda o caso

De acordo com informações da repórter da Globo , apenas 20 torcedores do Paraná foram até Londrina ver o time que já está rebaixado à Série B do ano que vem. Com forte chuva no primeiro tempo, os times empataram em 1 a 1 na 35ª rodada do Brasileiro .

O jovem Keslley, da base do Paraná, abriu o placar para os ‘donos da casa’ aos 34 minutos do primeiro tempo e Gustavo Scarpa marcou de pênalti, no segundo tempo, para o Palmeiras.

Em termos gerais, o alviverde dominou a partida em posse de bola, precisão de passe e chutes a gol. O Paraná teve boas chances no primeiro tempo aproveitando os errados do adversário e lances de contra ataques.

Leia mais:  Convocado para amistosos, zagueiro Miranda renova com a Inter de Milão até 2020

No segundo tempo, a chuva deu uma trégua e o jogo ficou mais disputado. O Paraná conseguiu se mostrar competitivo e o Palmeiras continuou a atacar a meta do goleiro Thiago Rodrigues, mas sem efetivamente ampliar o placar.

O empate fez o clube alviverde bater um recorde: são 20 jogos de invencibilidade, algo que não ocorria desde o ano de 2003. A marca anterior era do arquirrival Corinthians, com 19 partidas.

Resultados da 35ª rodada do Brasileiro


Santos viajou a Belo Horizonte e perdeu do América-MG na 35ª rodada do Brasileiro
Reprodução

Santos viajou a Belo Horizonte e perdeu do América-MG na 35ª rodada do Brasileiro

A 35ª rodada começou no sábado com três partidas. O Atlético Mineiro recebeu o Bahia e venceu a partida por 1 a 0. Com o mesmo placar, o Corinthians venceu o Vasco na Arena Corinthians. A última partida da noite de sábado teve triunfo do Atlético Paranaense contra o Vitória, por 2 a 1.

Leia também:  Jovem volante do Corinthians impressiona Vampeta: “tem que ser titular”

Foram três jogos aos 17h (horário de Brasília), neste domingo além de Paraná e Palmeiras. O Santos viajou à Belo Horizonte e perdeu do América-MG por 2 a 1. O Internacional, foi até o Rio de Janeiro e também perdeu do Botafogo por 1 a 0. Com o resultado, os colorados perderam a segunda posição na tabela de classificação.

Leia mais:  Helicóptero do dono do Leicester cai e explode no estacionamento do estádio

Com preleção especial e ações com torcedores, o Sport Recife recebeu o Flamengo para jogo importante na fuga da zona de rebaixamento. A partida terminou com 1 a 0 para o time carioca, com de Willian Arão.

Leia também:  Elenco de R$ 3,8 bi do Manchester City é o mais caro do mundo. Veja Top 10

Contando os minutos para gritar É CAMPEÃO!, o Palmeiras enfrenta o América-MG na quarta-feira, as 21h45 no Allianz Parque, e pode ser o jogo do título faltando ainda duas partidas para a última rodada do Brasileiro. Já o Paraná enfrenta o Ceará, na quinta-feira, as 21h.

Continue lendo

Esportes

Alemão de 21 anos supera Novak Djokovic e é campeão do ATP Finals 2018

Publicado

por


Alexander Zverev superou Novak Djokovic por 2 sets a 0 e virou campeão do ATP Finals
Getty Images

Alexander Zverev superou Novak Djokovic por 2 sets a 0 e virou campeão do ATP Finals

O alemão Alexander Zverev sagrou-se campeão do simples masculino no ATP Finals , neste domingo, ao vencer o atual número um do mundo Novak Djokovic. Com uma hora e vinte de partida, o atleta de 21 anos venceu os dois sets, parciais 6-4 e 6-3.

Leia também:  Lesão de Rafael Nadal torna Novak Djokovic número 1 do mundo no tênis

Depois de vencer o suíço Roger Federer na semifinal do sábado, por 7-5 e 7-6, Zverev fez bom jogo e superou de maneira tranquila o sérvio Novak Djokovic , que tinha batido o sul-africano Kevin Anderson ontem, em 6-2 e 6-2.

Além de vencer o número 1 do mundo, Zverev é o primeiro alemão a vencer o ATP Finals desde Boris Becker, um dos maiores tenistas da história e aposentado em 1996. Becker também foi treinador de Djokovic por três anos.

Alexander Zverev é considerado um fenômeno e, muitos especialistas em tênis acreditam que ele pode ser um dos maiores nos próximos anos. O atleta foi número 1 do mundo no circuito juvenil e venceu o Australian Open júnior. Desde 2015 no circuito profissional, é o atual número 5 do mundo.

Leia mais:  Conor McGregor e Mike Tyson fumam maconha e fazem as pazes nos EUA

Leia também:  Narração de gol em rádio salva vida de homem na Espanha. Entenda o caso

Hoje também teve a final das duplas masculinas. Os americanos Jack Sock e Mike Bryan venceram os franceses Nicolas Mahut e Pierre-Hugues Herbert por 2 sets a 1, participais 5-7, 6-1 e 13-11.

Confira abaixo todos os resultados do alemão na temporada 2018 de tênis

CAMPEÃO:
ATP 250 de Munique
ATP Masters 1000 de Madri
ATP 500 de Washington
ATP Finals de Londres

VICE-CAMPEÃO:
ATP Masters 1000 de Miami
ATP Masters 1000 de Roma

Leia também:  Francês aponta favorecimento de Roger Federer na ATP: “ninguém fala nada”

Apesar da derrota na final do ATP Finals, o sérvio Novak Djokovic vai começar o ano de 2019 como número um do mundo.

Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Polícia Federal

Mais Lidas da Semana